7 comportamentos de um bipolar







O transtorno bipolar é uma psicose bastante séria, conhecida por sintomas de oscilações de humor, principalmente depressão e ansiedade e, atualmente é a doença psiquiátrica que mais causa suicídio em seus portadores. Quem sofre de transtorno bipolar possui 28 vezes mais chances de cometer suicídio se comparado a pessoas saudáveis.


O bipolar está longe de ser apenas uma “pessoa de lua”

Quem sofre desta doença apresenta ciclos em que a ansiedade ou depressão podem surgir e são nestes momentos, quando os sintomas se tornam mais agudos, que outras características da doença se apresentam. Essa confusão de emoções e sentimentos deixa o indivíduo em situação de sofrimento e também podem desestabilizar a estrutura familiar.


Ela é muito impaciente, faz drama

Um dos principais fatores da piora da doença que agrava este quadro é o fato de não haver apoio familiar ou tratamento adequado. Em razão da doença ser de difícil diagnóstico, o paciente acaba sendo rotulado por suas fragilidades e perfil comportamental, apresentados por euforia ou melancolia em questões gerais.


O ambiente pode ajudar a piorar o quadro

Quem sofre de transtorno bipolar é mais sensível as dificuldades e fatores externos que podem agravar seus sintomas e potencializar o paciente para nova uma crise. Mudanças de ambiente, traumas de violência e abuso sexual são fatores que determinam aumento do sofrimento do indivíduo ou podem trazer à tona mais um novo ciclo da doença.


O perigo da desordem mental

Entre as crises de depressão e ansiedade, o indivíduo que desenvolve transtorno bipolar pode ficar confuso, tamanho o sofrimento que é gerado pelo excesso de emoções e sentimentos, característicos da doença. O apoio da família aliado a tratamento adequado, além de eficaz, pode ser motivador e ajudar quem está em crise a organizar seus pensamentos e suavizar os seus sintomas.


O risco das compulsões

Há registros de que 80% das pessoas que sofrem de transtorno bipolar também desenvolvem compulsões. O vício em álcool e drogas é recorrente, o que leva o paciente à confusão mental. O indivíduo passa a agir de forma impulsiva, perde o senso de perigo e, levado pelo excesso de autoconfiança, perde o medo em situações de risco.


Sinal de alerta em casa

Quem sofre de transtorno bipolar, durante uma crise de depressão, pode apresentar sintomas que evidenciam o risco de suicídio. A família e amigos devem ficar atentos ao comportamento do indivíduo, como a automutilação, lamentar-se como fardo para a família e ações de despedir-se de seus entes merecem atenção redobrada.


Nem todo sintoma é sinal de bipolaridade

Existem especialistas que enquadram depressivos e pessoas hipomaníacas (irritabilidade e ciúmes), como bipolares. No entanto, existe a controvérsia de outros estudiosos que dizem que o tratamento para estes indivíduos seria inadequado, pelo fatos destes sintomas serem mais brandos.
7 comportamentos de um bipolar 7 comportamentos de um bipolar Editado por Sua Saude on 14:28 Nota: 5
Tecnologia do Blogger.